PrevNext

CEREALTECH

Centro Nacional de Competências dos Cereais Praganosos, Oleaginosas e Proteaginosas

Assistência técnica RRN

Identificação, transferência e divulgação de conhecimento, tecnologia e inovação produzidos na fileira dos cereais, oleaginosas e proteaginosas.

OBJETIVOS

Identificação, transferência e divulgação de conhecimento, tecnologia e inovação produzidos na fileira dos cereais praganosos, oleaginosas e proteaginosas, com o objetivo de qualificar as empresas e reforçar a intervenção dos agentes de desenvolvimento rural no que respeita à importância da inovação como uma das bases para a sustentabilidade e incorporação de valor, com impacto nas fileiras, nos seus agentes e nos territórios rurais.

1

Conhecimento das necessidades de inovação

2

Capitalização de informação
e resultados

3

Transferência de conhecimento
técnico

4

Redes
entre
parceiros

5

Valorização e Incorporação da inovação

1

Conhecimento das necessidades de inovação

2

Capitalização de informação
e resultados

3

Transferência de conhecimento
técnico

4

Redes
entre
parceiros

5

Valorização e Incorporação da inovação

1

Conhecimento das necessidades de inovação

2

Capitalização de informação
e resultados

3

Transferência de conhecimento
técnico

4

Redes
entre
parceiros

5

Valorização e Incorporação da inovação

icone-visao

Visão

Contribuir positivamente para a inovação na fileira dos cereais, oleaginosas e proteaginosas
Incorporar o conhecimento nas empresas e organizações do setor agrícola
Articular os resultados com os responsáveis pela gestão das políticas públicas
Promover a sustentabilidade do setor agrícola, o desenvolvimento dos meios rurais e a coesão territorial

missao-icone

Missão

Identificar, selecionar e recolher informação científica relevante sobre a inovação e investigação aplicada à fileira dos cereais, oleaginosas e proteaginosas
Definir a agenda de inovação no âmbito do Centro Nacional de Competências dos Cereais Praganosos, Oleaginosas e Proteaginosas
Privilegiar o trabalho em rede e a integração da fileira
Transferir, valorizar e disseminar a informação

icone-visao

Visão

Contribuir positivamente para a inovação na fileira dos cereais, oleaginosas e proteaginosas
Incorporar o conhecimento nas empresas e organizações do setor agrícola
Articular os resultados com os responsáveis pela gestão das políticas públicas
Promover a sustentabilidade do setor agrícola, o desenvolvimento dos meios rurais e a coesão territorial

missao-icone

Missão

Identificar, selecionar e recolher informação científica relevante sobre a inovação e investigação aplicada à fileira dos cereais, oleaginosas e proteaginosas
Definir a agenda de inovação no âmbito do Centro Nacional de Competências dos Cereais Praganosos, Oleaginosas e Proteaginosas
Privilegiar o trabalho em rede e a integração da fileira
Transferir, valorizar e disseminar a informação

AÇÕES

Sistematizar, debater e criar as linhas orientadoras para a inovação na fileira dos cereais praganosos, oleaginosas e proteaginosas; transferir e valorizar a informação; capacitar o setor; e articular os resultados com os responsáveis pela gestão das políticas públicas.

Conceção e produção da Agenda de Inovação e Investigação

Conceção, produção e atualização da Agenda de Inovação e Investigação da fileira dos cereais praganosos, oleaginosas e proteaginosas em resultado de uma consulta alargada aos vários intervenientes da fileira e a outros Centros de Competências do setor agrícola nacional.

Ver Agenda de Inovação

Seleção e recolha de informação científica

Seleção e recolha de projetos de investigação, artigos científicos e estudos com maior relevância e impacto nos setores envolvidos na fileira dos cereais praganosos, oleaginosas e proteaginosas.

Organização de Dias de Campo

Organização e dinamização de “Dia do Agricultor” e “Dia da Lista de Variedades Recomentadas” para divulgação de conhecimento; capacitação; partilha e debate de estratégias e desafios; e promoção da investigação e inovação através da aproximação dos vários agentes da fileira (investigação, produção, transformação e outros agentes)

Debate, análise e valorização da Agenda de Inovação

Organização de Grupos Focais para 1) apresentação de uma primeira versão da Agenda de Inovação, com partilha e validação das principais linhas estratégicas; e 2) definição de metas para a execução da Agenda e desenvolvimento de sinergias com outros Centros de Competências e respetivas Agendas de Inovação.

Consolidação e divulgação de informação técnica e científica

Desenvolvimento de conteúdos e mecanismos para disseminação da informação de forma alargada, nomeadamente através da produção brochura, vídeo e de uma página web para integração de toda a informação relativa ao CEREALTECH (Agenda de Inovação, ações do projeto e respetivos resultados).

Participação em feiras nacionais do setor agrícola

Participação na Feira Nacional de Agricultura e Agroglobal para 1) reforço da divulgação de informação respeitante à Agenda de Inovação e a projetos de investigação com interesse para a fileira; e 2) networking e partilha de conhecimento.

Agenda
de
Inovação

CALENDÁRIO

Identificação, transferência e divulgação de conhecimento, tecnologia e inovação produzidos na fileira dos cereais, oleaginosas e proteaginosas.

2º Grupo Focal CEREALTECH

PARCEIROS

FORMULÁRIO DE CONTACTO

Caso pretenda saber mais sobre o CEREALTECH, entre em contacto connosco.

ANPOC – Associação Nacional de Produtores de Cereais,
Oleaginosas e Proteaginosas

Av. Heróis do Ultramar, no 56 | 7005 – 161 Évora
Mais informações: geral@anpoc.pt